NOTICIAS AO MINUTO: Galiza. Comunicação não significa « qualquer restrição » para portugueses

LUSA: Covid-19: Inquérito da Deco aponta medo de espaços públicos e cancelamentos de férias
29 juillet 2020
TSF: Vir ou não vir a Portugal? Baralhados, emigrantes não sabem o que fazer nas férias
29 juillet 2020
Show all

NOTICIAS AO MINUTO: Galiza. Comunicação não significa « qualquer restrição » para portugueses

© Global Imagens

Artigo publicado a 29.07.2020 em Noticias ao Minuto 

O Ministério dos Negócios Estrangeiros garantiu que quem viaje de Portugal para a Galiza não terá de dar os seus contactos, só se o quiser fazer de forma voluntária. O objetivo deste mecanismo de comunicação é de « facilitar o acesso à rede de cuidados de saúde da Galiza », caso seja necessário.

A orientação em causa, publicada ontem no Diário Oficial da Galiza, refere que os viajantes provenientes de Portugal e de cinco comunidades do norte de Espanha que visitem a Galiza, terão de fazer um registo em que fornecem os seus contactos.

Em comunicado, a tutela garante que foi esclarecido, num ambiente de « franca amizade », que o « mecanismo de comunicação estabelecido para os cidadãos que entram na Galiza não significa, nem poderia significar, qualquer restrição, impedimento, condicionamento à livre circulação de cidadãos portugueses no território » da Galiza.

Também ficou clarificado, garantiu o Ministério, que « não existe qualquer classificação de Portugal como ‘país de risco' » por parte desta Comunidade Autónoma. « Este mecanismo funcionará numa base voluntária, numa lógica de responsabilidade cívica », é sublinhado.

De acordo com a tutela, a finalidade desta ferramenta é, « apenas e só », de obter informação prestada pelos próprios cidadãos « para facilitar acesso à rede de cuidados de saúde da Galiza », tratando-se de um sistema semelhante ao que Portugal também recorre.

Na reunião foi também definido um conjunto de « medidas de boa cooperação a executar nos próximos dias » entre Portugal e a Galiza, destacando-se, entre elas, a  realização de uma reunião entre as autoridades de saúde de Portugal e da Comunidade Autónoma para troca de informações sobre a situação epidemiológica e o envio permanente, por parte das autoridades de Portugal e da Galiza, « de informação atualizada sobre a evolução da situação em Portugal ».

Fonte: Noticias ao Minuto

Fonte da Imagem: Noticias ao Minuto

Nota: Informamos que o presente artigo não é da nossa autoria. Pode ler o artigo originalmente publicado em Noticias ao Minuto.

Comments are closed.